quarta-feira, novembro 15, 2006

IREI DE MADRUGADA

Tenho-me levantado tão cedo nos últimos dias e deitado tão tarde que nem consegui postar nada hoje. Mas como me apetecia publicar algo, repesquei uma, digamos, mistura de palavras, que já tinha publicado num antigo blogue meu e que tem a ver com os meus dias actuais... em todos os aspectos!
Quem quiser madrugar comigo... faça o favor de... voar até aqui...

Irei de madrugada

Quando o Sol romper

Por sobre as montanhas,

E se estender

Pelos campos orvalhados.


Irei de madrugada

Para sentir o aroma

Dos rumores silvestres,

E das velas voando

Ao sabor das brisas.


Irei de madrugada

Para ouvir o silêncio

Dos sons abreviados

E o soar dos sinos

Anunciando os tempos.


Irei de madrugada

Para ver os passos

Que ficam na estrada

Vazia de névoa

Por cima dos cumes.


Irei de madrugada

Quando o Sol romper

O trilho onde sigo,

Irei de madrugada

Só para te ver...

E ficar contigo!

14 Comments:

At novembro 16, 2006 12:01 da manhã, Anonymous chuva e nuvens said...

Uma poesia linda!
Apetece ilustrá-la...irei tentar.
Beijinhos.

 
At novembro 16, 2006 1:05 da manhã, Blogger angel bar said...

necessita descansar ;) a poesia já não me espanta. como sempre, maravilhosa. um beijinho

 
At novembro 16, 2006 1:42 da manhã, Blogger Miudaaa said...

O importante é que vás, que caminhes e ACIMA DE TUDO, que tenhas vontade de ir.
Seja de manhã, de madrugada, antes ou depois do sol ir domir.
O importante é teres vontade de estar AQUI entre nós para dares e receberes mimos.
O importante... é seres como és.

Um beijo no meu dióspiro preferido!!!

miudaaa

 
At novembro 16, 2006 2:43 da manhã, Blogger Alexandre said...

Olá!
Chuva e Nuvens,
Obrigado, fico esperando pela ilustração!
Beijinhos a meio da noite...

 
At novembro 16, 2006 2:45 da manhã, Blogger Alexandre said...

Angel Bar,
super obrigado pelo elogio! Vocês são a minha MADRUGADA!
Beijinhos!

 
At novembro 16, 2006 2:47 da manhã, Blogger Alexandre said...

Miudaaa!
ens razão: o importante é irmos onde e quando quisermos!
Um beijo tb na minha Miudaaa preferida!!!
Dorme bem! São duas e meia agora, já passa... EStou de vigia ao vosso sono...

 
At novembro 16, 2006 10:17 da manhã, Blogger MARTA said...

Vou, sem sombra de dúvida e posso levar a máquina?
Para eternizar o momento, para o tornar significativo?
Não é sacrilégio ser-se feliz e por isso....
Lindo poema, Alex - gostei muito.
Beijos e abraços
Marta

 
At novembro 16, 2006 11:47 da manhã, Blogger brettinha do campo said...

poesia linda!
temos artista ?
já somos dois a madugar e deitar tarde!!!!!!!!! :o :(
e só quero dormir e tu?
bom fds!

 
At novembro 16, 2006 12:52 da tarde, Blogger Dora Francisco said...

Olá Alex... as madrugadas tb têm os seus encantos... voltar à vida, o cheiro do amanhecer, esteja sol ao chuva, conseguimos distinguir um amanhecer de Primavera, de Verão, de Outono e de Inverno.Já tinhas pensado nisto. Hoje acordei, bem cedinho, e não me apetecia nada acordar, mas não era por ter sono... começa a ser uma constante ter medo dos dias. E nesta dialéctica de vontades, lá me consegui erquer, abrir a janela e gritar (baixinho para não acordar os outros): Estás viva, vai em frente.
Um beijinho Grande, obrigada pelas tuas visitas ao meu blog. A Sofia é minha priminha e está muito, mas muito mal. Parece que se fartou deste mundo e tentou partir para outro. Não a deixámos, julgo que ainda a tempo, mas mesmo assim, sentimos que cometemos o crime maior de omissão: deixar arrastar a solidão do outro!

 
At novembro 16, 2006 12:54 da tarde, Blogger 13 said...

Eu quero acordar cedo, mas não consigo!
Vida de desempregada...

 
At novembro 16, 2006 1:34 da tarde, Blogger Enfim... said...

mt lindo o poema lol.Bjs

 
At novembro 16, 2006 4:04 da tarde, Blogger veritas said...

Olá Alexandre!

São várias coisas que partilho contigo, adorei a música que me recebeu ao entrar aqui, é uma das minhas preferidas no momento. Reamon...Depois também adoro as tuas palavras...e sabes que a Fascinação da Elis Regina é uma das minhas músicas e letras preferidas? Além de que ultimamente tenho andado também a deitar-me tarde e a levantar-me de madrugada.

Mtos beijos para ti. Voltarei sempre

P.S. o diospiro também é uma das minhas frutas predilectas...o meu pai tem um diospireiro no quintal e eu como às dezenas...é difícil parar.

 
At novembro 16, 2006 7:05 da tarde, Blogger Cristina said...

Lindo, Alexandre... pura e simplesmente lindo!

Dá vontade de acordar bem cedo e olhar para a madrugada a levantar-se... mas isto é a minha faceta romântica a falar :)

 
At novembro 17, 2006 2:05 da manhã, Blogger Cocas said...

Lindo....
Já somos dois...tambem tenho andando super cansada...passei para te deixar um beijo...

 

Enviar um comentário

<< Home